Muitos gols no Municipal de Futsal

Vila Arco Iris

Organizado pelo Conselho Municipal do Esporte de Capinópolis, com total apoio do Município de Capinópolis, o Campeonato Municipal de Futsal começou com muitos gols e bons públicos lotando o Ginásio ‘Isaias Lucas Bonifácio’, no Bairro Campos Elíseos.
Na primeira rodada, ocorrida na noite de sexta-feira, logo após a abertura, Vila / Lojas Arco-iris 4x1 Buritis FC, União Sporting 3x4 Nero Sorvetes e TG Bela Vista 1x2 Ecop.
Na segunda rodada ocorrida ontem, Goiaba FC. 2x4 Pivete FC, Florêncio A 8x1 Florêncio B e DL Planejamento 1x6 Boa Fé FC.
A competição tem nova rodada na noite de sexta-feira, a partir das 19h30, com Bela Vista x Buriti FC, Vila – Loja Arco-Iris x Florêncio B e Florêncio A x Ecop.
Venha torcer por sua equipe.

Conselho Municipal do Esporte
Município de Capinópolis

Amvap realiza palestra sobre Patrimônio Cultural e Turismo

amvap turismo
A AMVAP (Associação dos Municípios do Vale do Paranaíba) realizou na sexta feira, dia 12 de julho, uma palestra sobre Patrimônio Cultural e Turismo para vários municípios integrantes da Associação e dois de outras Associações. Foram os seguintes municípios participantes: Araguari, Araporã, Capinópolis, Cachoeira Dourada, Cascalho Rico, Centralina, Douradoquara, Ipiaçu, Ituiutaba, Iraí de Minas, Gurinhatã, Indianópolis, Monte Alegre de Minas, Matutina, Prata, Romaria, Santa Vitória, Tupaciguara e Uberlândia.
A palestra foi ministrada pelo Historiador Cláudio Scarparo Silva, que abordou o tema em duas partes. Na primeira parte foi abordada a interpretação dos bens culturais protegidos para o aproveitamento turístico, sendo colocadas várias sugestões para se trabalhar com o patrimônio cultural no turismo. A abertura do evento foi feito pela Secretária Municipal de Educação e Cultura de Capinópolis Iracilda Pereira Duarte, que agradeceu a todos os participantes pela presença. A segunda parte foi sobre as políticas públicas para o desenvolvimento turístico. Dentro dessas políticas foi destacada a descentralização do turismo que é um critério base para o fomento do turismo em várias esferas. 
A descentralização do turismo está ligada com a criação e participação em circuitos turísticos. Foi abordada a reativação do Circuito Turístico Águas do Cerrado, cuja sede já está na cidade de Capinópolis. Foram mostrados para os participantes do curso vários municípios que ainda não participam de um circuito. Com a reativação do Circuito Águas do Cerrado os municípios poderão se fortalecer no planejamento de políticas públicas para o turismo a nível local e regional. 
O circuito tem a assessoria do Turismólogo Eduardo, que está trabalhando para a reativação do circuito.
A participação no circuito é fundamental para que o município possa receber o ICMS Turístico e ser inserido no Mapa Turístico do Brasil para poder receber repasses financeiros do Ministério do Turismo e outros órgãos.
Segundo o palestrante, o Circuito Turístico Águas do Cerrado tem o apoio do prefeito Cleidimar Zanotto de Capinópolis, do prefeito Salim de Santa Vitória e do Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turístico de Santa Vitória, Garcinha, do prefeito Léo de Ipiaçu, do prefeito Wandel Luciano, de Gurinhatã, e do município de Limeira do Oeste. Houve o convite para Ituiutaba e outras cidades da região.
Cláudio salientou o importante apoio da AMVAP como entidade apoiadora dos municípios da região, que sempre tem colaborado para encontros como o de hoje, contribuindo para o intercâmbio de diversos assuntos entre os municípios. 
Foto: Divulgação

Escola Aurelisa promoveu a Barraquinha da Biblioteca

arraia hiperdia

Fechando as atividades da Intervenção de Matemática, a Escola Municipal ‘Aurelisa Alcântara de Souza’, realizou na semana passada a Barraquinha da Biblioteca, uma animada festança julina com muita matemática e muitas comidas típicas como pé de moleque, canjicada, bolo de mandioca e muitos outros.

“Esse Projeto teve início comigo, que sou professora de biblioteca, juntamente a minha colega do período vespertino, a professora Juliene, com o apoio das salas de recurso e reforço com o objetivo de desenvolver o raciocínio dos alunos em questões de matemática, tendo como material o dinheiro, onde eles resolveram questões de matemática em sala de aula, fazendo jus, cada qual a um valor em dinheiro. Nós temos essas notas impressas de dois e cem reais, muito parecidas com as verdadeiras, onde eles recebem as notas e adquirem os produtos aqui na barraquinha de biblioteca aprendendo com isso noções de matemática e, principalmente, a lidar com o dinheiro, quanto custa, quanto de dinheiro eles têm e quanto de troco restará, algo que terão que fazer ao longo da vida”, disse a bibliotecária Adriele Petráglia.

A Professora Juliene destacou a alegria e o envolvimento de todos os alunos.

“Nós temos que encontrar maneiras simples mas interessantes de mostrar aos alunos que a matemática fará parte de vida deles”, disse.

A supervisora do período vespertino, Helen Zanotto, parabenizou toda a equipe escolar pelo sucesso da intervenção de matemática.

“Nossa escola está muito feliz”, destacou.

A diretora da Escola, Maria das Dores, popular Zefa, agradece a participação dos professores que se empenharam pelo sucesso da intervenção de matemática, ao pessoal da cozinha da escola que fez alimentos deliciosos para a Barraquinha da Biblioteca e, principalmente, aos pais, que são parceiros da escola e mandaram muitos alimentos prontos de casa.

“É bom demais trabalhar em parceria e com entusiasmo de todos”, disse Zefa. 

Fotos: Valdair Bernardeli

botao acesso informacao

previdencia

vtn