Divisão de esporte promove Curso de formação de Voleibol

voleibol curso

Aconteceu na quarta-feira, dia 07, em Capinópolis, o curso de formação de voleibol ministrado pelo professor Manoel Honorato Neto, destinado aos professores de educação física, com a participação, além de Capinópolis, de representantes das cidades de Cachoeira Dourada, Centralina, Ipiaçu, Canápolis, Santa Vitória e Ituiutaba (MG).

O professor Honorato falou a nossa reportagem sobre o curso:

“Primeiro eu fui conhecer qual é o objetivo deles para fazer esse curso, porque não me foi passado, mas foi muito legal. O objetivo é fazer com que primeiramente esses professores possam amar aqueles alunos que Deus colocou na mão deles, primeiro isso, que eles são instrumentos imprescindíveis na formação desses garotos e garotas. Esse é o objetivo número um. Depois, aqueles que se identificam com a aula de vôlei, com o treino de vôlei, possam fazer isso com excelência, mesmo talvez aquele garoto ou garota não seja uma grande atleta, ir para uma seleção mineira, brasileira, disputar campeonatos oficiais, mas que eles tenham pelo menos uma noção do que é o vôlei e a maneira certa para poder ensinar esses fundamentos do vôlei, porque essas ações que esses professores tiverem fazendo, os alunos não são bobos, sabem que eles podem estar certos ou errados. Se esses professores que estão aqui em Capinópolis ensinarem alguma coisa errada, eles vão estar deturpando um gesto técnico desses meninos e meninas. E se nesse curso eles aprenderem alguma coisa de uma mecânica positiva, eles vão estar fazendo frutos positivos aqui em Capinópolis, então, quem sabe através de um curso desse não vão sair alguns garotos mais bem treinados, mecanicamente corretos para futuras equipes. Talvez seja um bom inicial, que talvez estaria faltando, quem sabe?”

Pergunta: Em Capinópolis temos o Conselho Municipal de Esportes e Divisão de Esportes, e esse ano de 2018 eles estão lançando várias escolinhas, de futsal, futsal feminino, handebol, vôlei, basquetebol e algumas oficinas. Qual a importância de um projeto igual a esse que Capinópolis está desenvolvendo?

Honorato: Espero que funcione para valer mesmo. Com isso, lá na frente você vai ver o resultado. Você vai ver uma escola com pouca doença, com muita saúde, meninos saudáveis, tudo quanto é bairro jogando vôlei, basquete, handebol, que sejam essas oficinas que você falou. É a periferia que vai alimentar uma equipe, talvez Capinópolis ter uma equipe futura, mas começou de onde? Da periferia. A periferia é que dá força para uma equipe espelho, então se um dia Capinópolis tiver uma equipe de futsal, uma equipe de vôlei, é essa periferia nos bairros que vai fomentar esse trabalho que estaria no topo. Você imagine a grandeza de um projeto como esse, poder colocar nos bairros, meninos treinando, saindo das drogas, ou seja, é um trabalho que já começou, é lógico, nos países de primeiro mundo e a gente está começando, já existe muita coisa, mas ainda está muito longe da realidade, mas eu espero que Capinópolis seja uma cidade, que já tem poucos mil habitantes, mas que seja um pioneiro, ou seja, um lugar pequeno que vai fazer grandes coisas.

Pergunta: O fato de a criança ficar muito abitolada nas mídias sociais hoje, você acha que isso aí está sendo um competidor com o esporte?

Honorato: Bastante. Antes, a gente sabia que o adversário do vôlei eram os enens da vida, os vestibulares, que tem que partir para isso mesmo, pois se o garoto não dá para o voleibol ele tem que se preocupar em ter uma formação e os dois concomitantemente têm que andar juntos, mas perder para a mídia social a gente sabe que um tempo vazio que talvez não retorne mais. Então o nosso projeto em Uberlândia, a gente está tentando combater com essa nova sede da Academia do Vôlei nós vamos colocar salas de estudo, psicólogos, além do trabalho técnico, ou seja, a gente vai tentar ocupar o dia inteiro desses garotos para que sobre menos tempo para essas mídias sociais, que a gente sabe que muita coisa ruim entra através da mente deles.

Marco Aurélio, diretor de esportes do município, disse a nossa reportagem estar muito feliz com o resultado do curso, onde o objetivo principal foi trazer mais qualificação para os professores de educação física não só de Capinópolis, mas de toda região.

“Foi muito bom, tanto nós da Divisão de Esportes, quanto o Conselho Municipal de Esporte estamos muito felizes com resultado. Pretendemos desenvolver novos projetos com outras categorias de esporte”, disse.

Foto: Valdair Bernardeli

botao acesso informacao

previdencia

vtn